Díli, 25/07/2018 (FDCH), Estas palavras foram proferidas por Kay Rala Xanana Gusmão quando foi convidado para ser orador no seminário sobre educação organizado pela Embaixada da Indonésia em Timor-Leste. O líder histórico acrescentou que com os problemas no mundo de hoje, as universidades devem produzir pessoas qualificadas que possam ajudar a desenvolver bem e com dignidade cada estado.

“Com o mundo de hoje com tantos problemas, as universidades precisam de refletir em como ensinar aos estudantes para serem bons cidadãos e não ensinar apenas para os estudantes terem conhecimentos”, disse o ex. Primeiro Ministro do V Governo Constituicional  perante os participantes constituído por estudantes universitários do país incluindo docentes das universides da Indonésia.

Bom cidadão segundo Xanana Gusmão, é uma pessoa com caraterísticas novas quando regressa para a sociedade depois de terminar os seus estudos.

“Vocês que já terminaram os estudos, e que regressaram e estão integrados na sociedade e estão empregados devem ter uma mentalidade nova”, disse o pai da naçãopara os estudantes e docentes participantes no seminário em referência.

Kay Rala Xanana Gusmão também pediu às universidades para melhorarem a qualidade do ensino e simplesmente não estarem a competir no sentido de em cada ano darem muitos certificados, preocupando apenas com a quantidade e não se preocuparem em melhorar a qualidade do ensino.

Além do setor da educação, ex Presidente da RDTL também falou sobre como valorizar a cultura de Timor para servir de identidade do País.

“Eu já ajudei muitos grupos de dança, mas esses grupos ainda não mostraram a nossa cultura original”. Em relação a esse assunto, Kay Rala Xanana Gusmão disse que se sente triste quando vê os indonésios a apresentarem as suas danças culturais (dança balinesa no desfile de carnaval) em Timor-Leste.

“Hoje quando eu vi as suas danças, eu fiquei triste porque eles estão a mostrar a sua identidade cultural para nós timoresnses mas nós ainda não temos a nossa própria cultura para mostrar para eles”. Disse o orador no início do seu discurso.

Mas o líder da nação está confiante e garante que durante os cinco anos de governação o VIII Governo vai dar muita atenção ao setor da cultura.

“Sobre este assunto, o governo (VIII Governo Constitucional) durante os cinco anos dará muita atenção para o sector da cultura, para no futuro nós também mostrarmos a nossa cultura com orgulho”,  disse o ex. Ministro do Planeamento e Investimento Estratégico do VI Governo Constitucional.

Além de Kay Rala Xanana Gusmão, esteve também presente no seminário outro orador, o Prof. Dr. Ario Damar, Decano da Faculdade Marítima, do Instituto de Agricultura de Bogor (IPB) aocmpanhado pelo Embaixador da Indonésia em Timor-Leste Sahat Sitorus e o Adido da Educação da Indonésia o Sr. Sedercor Melatunan.

Entretanto o seminário com o tema sobre a educação foi moderado pelo Sr. Isménio Martins da Silva, actual Secretário Executivo do Fundo de Desenvolviemnto do Capital Humano (FDCH). Os participantes eram os estudantes e os representantes das universidades existentes em Timor-Leste. (Média FDCH)

Related Post :


Total Viewer : 876 Views || Category: Notícia